Zadar (Croácia) – O sol é o protagonista, o mar a trilha sonora

Instagram
Compartilhar no Whatsapp


Três coisas maravilhosas você irá encontrar em Zadar na Croácia: O mais lindo pôr-do-sol do mundo, o incrível Órgão do Mar e o show de luzes e efeitos que é o Monumento de Saudação ao Sol. E o mais interessante de tudo: Todos eles feitos pela própria natureza!

O mais lindo Pôr-do-sol do mundo

O céu estava limpo, a estrada tranquila, um calor delicioso e o tempo a nosso favor. Tudo conspirando para que chegássemos em Zadar, partindo de Zagreb de carro, a tempo de vermos o tão famoso pôr-do-sol considerado o mais lindo do mundo por diversos autores e celebridades, entre elas, o premiado cineasta Alfred Hitchcock que ao visitar Zadar em 1964 disse: “Zadar tem o mais belo pôr do sol do mundo, mais bonito que o de Key West, na Flórida, aplaudido todas as noites”. Se naquela época já era lindo, agora, com a incrível estrutura que oferece, está realmente estonteante.

Sem muitas explicações, a foto abaixo fala por si.

Observando o mais lindo pôr-do-sol do mundo – Arquivo Pessoal

Parada obrigatória para quem vai visitar a Croácia, Zadar oferece este incrível pôr-do-sol, por isto mesmo, é esperado que muitas pessoas visitem o local neste momento.

O Monumento de Saudação ao Sol com o pôr-do-sol ao fundo – Arquivo Pessoal

O Órgão do Mar

Para a nossa felicidade a cidade de Zadar resolveu ousar e escolheu como monumento para sua orla o inusitado e criativo projeto do arquiteto e artista croata Nikola Bašić. Em seu projeto, ele não sugeriu nenhuma estátua ou um monumento dos quais já estamos cansados de ver, ele resolveu criar um órgão que fosse tocado a partir do movimento das ondas do mar, um projeto que envolveria a participação de especialistas em hidráulica marítima, tubulações de órgãos e claro, músicos.

São 35 tubos subaquáticos que ao receberem as ondas do mar produzem um som único e penetrante, uma sensação deliciosa ainda mais somada a bela escadaria que forma o órgão e que termina no límpido mar adriático de Zadar.

Coloque um fone de ouvido e assista ao vídeo abaixo que gravei e ouça este órgão em ação.

A Saudação ao sol

Parte do projeto arquitetônico de Nikola Bašić, o monumento de saudação ao sol (The Greating to the Sun) é outra obra criativa e inusitada deste artista.

Trata-se de uma enorme estrutura circular de 22 metros de diâmetro formada por 300 placas de condução de vidro com módulos de foto-voltagem que captam a luz do dia e, a noite, iluminam a orla e fazem um incrível show de luzes e cores na orla.

The Greating to the Sun durante o dia – Arquivo Pessoal

Confira abaixo um vídeo que gravei destes efeitos de luz.


Ficou evidente que o arquiteto queria criar um cenário onde a natureza fosse a protagonista. De um lado, o mais lindo pôr-do-sol do mundo, do outro, um incrível show de luzes que surge ao anoitecer energizado pela luz do sol que já se pôs, e ao fundo o som de um órgão tocado e regido pelo mar.

Painéis luminosos do Monumento de Saudação ao Sol – Arquivo Pessoal

Uma curiosidade: Os nomes e números gravados no anel em torno do Monumento de Saudação ao Sol fazem parte do Calendário St.Grisogonus, desenvolvido em Zadar entre 1292 e 1293 e encontrado em 1964 na Biblioteca Bodleian em Oxford. Este documento está entre os mais antigos do mundo, e possivelmente o primeiro a ter dados de astronomia escritos em números arábicos.

Instagram


Instagram