A Grande Muralha da China (Pequim -China) – O Maior Cemitério do Mundo

Instagram
Compartilhar no Whatsapp


Em uma breve passagem por Pequim, na China, não pude deixar de ir conhecer a Grande Muralha, uma das 7 Maravilhas do Mundo Moderno e, para minha surpresa, é também conhecida como o maior cemitério do mundo.

Os números da Grande Muralha são realmente de impressionar. Sua construção levou mais de 2 mil anos para ser concluída. Sua extensão é de mais de 21 mil quilometros, o suficiente para circundar todo o Brasil. Embora façam parte de sua extensão também barragens naturais como rios e montanhas, sua área construída é gigantesca. Foram necessários 180 milhões de metros cúbicos de terra e 60 milhões de metros cúbicos de tijolos e pedras. Em média, ela possui 8 metros de altura e 4 metros de largura e cerca de 40 mil torres de comunicação. É definitivamente um dos maiores feitos da humanidade.

Muralha da China – Arquivo Pessoal

Mas construir tudo isto não foi nada fácil. Estudos apontam que cerca de 1 milhão de pessoas trabalharam nesta construção ao longo destes mais de 2 mil anos de obra. Os trabalhadores inicialmente eram escravos e desordeiros, mas mais tarde foram soldados que precisavam se ocupar em épocas de paz.

Aliás, o objetivo de se construir tal muralha foi proteger os chineses dos povos nômades do norte, especialmente da Mongólia. Os chineses eram tradicionais agricultores enquanto os povos do norte eram caçadores. Sempre que vinha alguma seca na região norte os nômades vinham até as regiões da China para invadir e barbarizar afim de conseguirem mantimentos.

Muralha da China – Arquivo Pessoal

Isto fez com que o Imperador Qin Shi Huang, que tinha uma enorme obsessão por segurança e por grandes feitos tivesse a ideia de construir esta grande muralha que, mais tarde, se mostrou ineficaz uma vez que os nômades do norte conseguiram invadir a China do mesmo jeito.

O Cemitério

Durante as obras muitas pessoas morreram. Estimativas indicam que cerca de 800 mil pessoas pereceram durante a construção da muralha seja por exaustão, fome ou frio. Estas pessoas que morriam durante a obra eram sepultadas nas próprias edificações da muralha, motivo pelo qual os chineses se referem à Grande Muralha também como O Maior Cemitério do Mundo.

Muralha da China – Arquivo Pessoal

Histórias e Lendas

Muitas histórias e lendas cresceram em torno da Grande Muralha, uma das mais antigas e tradicionais é a da jovem Meng Jiang Nü.

Esta lenda conta que enquanto ela passeava pelo jardim de sua casa encontrou-se com Wan Xi Liang, um jovem que estava fugindo para não ir trabalhar na Grande Muralha. Eles se apaixonaram e na noite do casamento ele foi capturado e enviado para trabalhar na muralha, mas pouco antes disto ela pegou seu adorno de cabelo que tinha uma jade branca, partiu e deixou metade com ele para ele nunca se esquecer dela.

Chegando o inverno Meng lembrou-se que o marido não tinha levado nenhum agasalho, então partiu ao encontro dele levando algumas roupas. No caminho cansada e com fome acabou desmaiando. Ao acordar, notou estar confortável em uma casa e sendo cuidada por uma senhora idosa, que na verdade, era uma divindade que veio para ajudá-la. Assim que se recuperou, voltou seu trajeto em busca do marido, foi ajudada por alguns gansos e chegou até o local da construção da Grande Muralha.

A lenda de Meng Jiang Nü

Para sua infelicidade, foi informada que seu marido havia morrido fazia apenas 3 dias e que seu corpo havia sido sepultado na muralha. Meng então chorou por 3 dias seguidos de tristeza. No primeiro dia suas lágrimas escureceram o céu, no segundo, trouxeram tempestades nas montanhas e no terceiro dia as montanhas estremeceram fazendo desmoronar a muralha soterrando os capatazes e os soldados e expondo os corpos que ali foram sepultados, entre os milhares de corpos que ali estavam, um se destacava, era o de seu marido que estava com as mãos entreabertas segurando o adorno de jade que ela havia dado a ele.

A lenda de Meng Jiang Nü

A história comoveu todos que estavam ali e chegou até o Imperador que resolveu ir até o local. Lá conheceu Meng e ficou encantado com sua beleza e a convidou para ser uma de suas concubinas. Ela disse que aceitaria apenas se ele cumprisse três promessas: Celebrar funerais reais para seu marido e construir uma tumba em memória dele. Levantar um monumento em homenagem a todos que morreram na obra da muralha e por fim, o próprio Imperador deveria vestir-se de luto. Ele atendeu a todos os pedidos dela e ela, ao ver que ele tinha completado seus desejos, vingou o marido atirando-se ao mar e desaparecendo.

Uma outra lenda mais atual dizia que era possível ver a Grande Muralha da lua, mas foi desmentida pelo astronauta chinês Yang Liwei.

Talvez você, assim como eu, não sabia que uma das 7 Maravilhas do Mundo Moderno era a maior construção feita pelo homem na história, era cheia de histórias intrigantes, e ainda, para deixar tudo ainda mais curioso, é conhecida também como o maior cemitério do mundo.

Instagram


Instagram