O Rei abdicou do trono por ela e você trocando ela por vídeo game

Compartilhar no Whatsapp


Eduardo VIII era simplesmente o Rei do Império Britânico, uma das maiores potências do mundo. Estava no topo do poder na Europa. Ele havia chegado ao trono em janeiro de 1936 e abdicou do trono em dezembro do mesmo ano.

O Rei se apaixonou por Wallis Simpson, uma americana que já havia se casado por duas vezes e agora, recém divorciada do seu segundo marido, estava apaixonada pelo Rei que correspondia seus sentimentos. Um amor proibido pois, segundo as regras da monarquia na época, um Rei não poderia se casar com uma mulher que já fora casada anteriormente. Logo, ele precisou escolher entre permanecer Rei ou abdicar do trono e casar-se com a mulher que ele amava.

Ele escolheu ela.

Eventualmente ouço algumas amigas comentando sobre o completo desinteresse, descomprometimento e imaturidade de muitos homens de hoje em dia. São mulheres bem resolvidas, divertidas e interessantes e que poderiam ser grandes parceiras, mas são frequentemente trocadas por futebol, bar ou vídeo game. São avaliadas com tremenda superficialidade por homens que esperam encontrar pessoalmente a reprodução exata da foto do Tinder. E se o filtro da vida real não caiu bem, ele logo desiste dela.

Sequer se dão a oportunidade de conhece-las por quem elas realmente são e não pelo que eles gostariam que elas fossem. Se preocupam mais em saber se ela vai ficar bonita na foto que ele vai postar do que em aproveitar o momento com ela e desfrutar da companhia de uma mulher de verdade.

Cada vez mais vejo homens querendo meninas. E por que eles preferem as meninas? Porque eles não precisam se esforçar. Qualquer coisa impressiona uma menina. Se ele tem um carro, talvez ela já ache isto o máximo. Se ele pode levar ela no Outback então, ele é o cara perfeito!

Já uma mulher exige muito mais do que isto. Ela tem seu próprio carro, ela tem dinheiro para o Outback. Nada disto a impressiona. O que ela quer é um homem maduro como ela, bem resolvido como ela, que sabe o que quer assim como ela. Ela quer um homem e não um menino.

Uma geração de homens frouxos que racham a conta do restaurante, que tem medo de levar choque ao trocar um lâmpada – se é que sabem trocar – ou que não conseguem abrir um pote de palmito. Ela não precisa de você para pagar a conta, ela sabe trocar uma lâmpada e também abrir um pote de palmito. Ela não precisa de um homem, ela quer um homem. Um homem gentil, cavalheiro, inteligente e macho. Um homem que seja mais homem do que ela.

A mulher de hoje é forte e isto talvez assuste alguns homens, mas não adianta culpar as mulheres meu caro. Elas se desenvolveram, lutaram e se esforçaram muito para serem o que são hoje, e não vão aceitar qualquer coisa. Por isto amigo, não seja qualquer coisa.

Um homem de verdade irá priorizar sua parceira, irá trata-la com afeto mas ao mesmo tempo irá proporcioná-la segurança. Você não é fisicamente mais forte atoa, você não tem testosterona atoa. Você tem a obrigação de ser a fortaleza dela. Você tem que assumir riscos e tomar a frente. O homem das cavernas matava um mamute para levar o jantar para casa e você com frescura para ir comprar pão.

O Rei Eduardo VIII foi um mulherengo, irresponsável e imaturo por muitos anos, mas em um determinado momento conheceu Wallis, se apaixonou, deixou de ser Rei por ela e se casaram. Juntos enfrentarem diversos problemas e controvérsias, pressões sociais, denúncias e boatos que, independente de serem verdade ou não, foram superados pelo casal que se manteve junto até o fim de suas vidas.

Ele trocou seu reino por uma mulher. Você estaria disposto a trocar seu vídeo game por uma?